Artigos

 

23.10.2017

Cenário para radicaloides

Por Germano Rigotto


Os ciclos de descrença generalizada são os mais férteis para o surgimento dos “salvadores da pátria” na política: supostos monopolizadores da honestidade, sem nenhuma experiência concreta de gestão, mas plenos de convicções e discursos. O disfarce consegue aplacar boa parte dos eleitores com pelo menos dois atributos principais: projetam o sentimento das maiorias....


16.10.2017

Não ao aumento do PIS e Cofins

Por Germano Rigotto


Estamos recém virando a primeira curva com indicadores positivos da economia, depois de atravessarmos uma das mais longas e profundas crises que o país já viveu. As equipes do Ministério da Fazenda e do Banco Central, tecnicamente preparadas, acertaram em boa parte das medidas adotadas – a começar pela recuperação de confiança do mercado. A [&hellip....


9.10.2017

Remendo – ou arremedo – de reforma política

Por Germano Rigotto


A julgar pelo cenário atual, não há como desenhar uma perspectiva de melhoria da política brasileira num futuro próximo. Muitos ouvidos permanecem moucos, mesmo depois de todos os sinais dados pela população. Vivemos nada menos do que a maior onda de manifestações populares da história recente do país. Quem foi às ruas, aos milhões, não [&hellip....


2.10.2017

Lei Kandir: história e justiça a serem repostas

Por Germano Rigotto


A Lei Kandir é um assunto muito falado e pouco compreendido no país. A pauta é abordada apenas por um viés crítico, quando na verdade esse diploma legal guardava em sua origem um excelente propósito: estimular as exportações. O projeto do então deputado Antonio Kandir, que contou com o apoio maciço no Congresso Nacional no [&hellip....


25.09.2017

Os avisos da Rocinha

Por Germano Rigotto


O que está acontecendo na favela da Rocinha, no Rio de Janeiro, não é algo convencional. Não se trata apenas de mais um confronto entre policiais e traficantes. Não é só mais uma onda de violência. Basta observar mais a fundo a situação para perceber que está diante de nós, muito provavelmente, uma das provas [&hellip....


18.09.2017

A economia se descola da política

Por Germano Rigotto


A economia brasileira está tentando desvencilhar-se da crise política. Já há sinais claros de que a maior recessão econômica da história pode estar ficando para trás. Não se trata de análise subjetiva, mas de dados concretos. Os números e indicadores é que estão mostrando isso. Depois de um crescimento de 1% no primeiro trimestre deste [&hellip....


11.09.2017

Como combater a corrupção?

Por Germano Rigotto


Já abordamos em nossos espaços, em mais de uma oportunidade, os vários aspectos da corrupção. Um problema tão complexo quanto esse não terá uma solução simples e direta. A mera renovação dos nomes da política, por exemplo, por mais que isso seja salutar, não será suficiente. Tampouco a prisão de envolvidos em escândalos. Tudo isso [&hellip....


4.09.2017

Privatizações: do que dependem para dar certo?

Por Germano Rigotto


O instituto da privatização tem fluência no mundo inteiro. No Brasil, ao longo dos anos, a prática de desestatização também passou a ser aceita pela sociedade e, em consequência, pelos governos. Como qualquer outra iniciativa, há casos de sucesso e de insucesso. Mas a dinâmica do papel subsidiário do Estado já não sofre tantas contestações, [&hellip....


28.08.2017

Os perigosos efeitos da vala comum

Por Germano Rigotto


Há um dilema que nunca se resolve completamente para quem estuda assuntos ligados à política e à sociologia: trata-se da dinâmica do exemplo e de sua influência sobre o padrão moral da população. Explico por meio de uma pergunta simples: a conduta ética de uma nação se forma de cima para baixo ou de baixo [&hellip....


21.08.2017

PMDB: bem mais do que mudar a sigla

Por Germano Rigotto


Desde que o povo foi espontaneamente às ruas, em 2013, os partidos entraram em uma profunda crise existencial – e permanecem até hoje no divã. Mas, na verdade, a perda de significado das agremiações brasileiras não começava naquele momento, senão que apenas ficava ainda mais explícita. Os partidos já vinham, gradativamente, diluindo sua capacidade de [&hellip....