Panorama

 

4.09.2017

Desempenho do PIB III

 

Mesmo entre os pares latino-americanos, o Brasil ficou para trás. O México teve o menor crescimento em um ano (0,6%), mas suficiente para que o país encaminhasse o 16º trimestre consecutivo de alta. Chile e Colômbia, os outros dois países que já divulgaram o PIB do segundo trimestre, tiveram resultado ainda melhor: 0,7%.