Reforma ministerial: expectativa frustrada?
23.10.2017

Cenário para radicaloides

Por Germano Rigotto


Os ciclos de descrença generalizada são os mais férteis para o surgimento dos “salvadores da pátria” na política: supostos monopolizadores da honestidade, sem nenhuma experiência concreta...
Panorama Político e Econômico
por Germano Rigotto
23.10.2017

Copom anuncia decisão sobre juros

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central faz sua penúltima reunião do ano na terça e quarta-feira (24 e 25) para decidir sobre a taxa básica de juros (Selic), atualmente em 8,25%. A expectativa é que haja nova redução, de 8,25% para 7,5%. Seria a nona queda seguida. No mercado, a projeção dos [&hellip......

23.10.2017

Denúncia contra Temer na Câmara

A Câmara dos Deputados vota, na quarta-feira (25), a denúncia de organização criminosa e obstrução da justiça formulada pela Procuradoria-Geral da República contra o presidente Michel Temer e os ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco. O relator, Bonifácio de Andrada, apresentou parecer pelo arquivamento da denúncia, [&hellip......

23.10.2017

Focus prevê crescimento maior do PIB e da inflação

Pesquisa do boletim Focus, divulgada nesta segunda-feira pelo Banco Central, aumentou pela terceira semana consecutiva a previsão de inflação para este ano, o índice passou de 3% para 3,08%. Já  a projeção para o crescimento do PIB em 2017 avançou mais uma vez, passando de 0,72% para 0,73%. E a estimativa para a taxa Selic [&hellip......

23.10.2017

Medidas para estimular o consumo I

As famílias brasileiras devem ter R$ 155 bilhões a mais para gastar deste ano até o fim de 2018. A projeção é do banco de investimento BNP Paribas e considera as recentes medidas adotadas pelo governo para estimular o consumo. Uma parte do dinheiro já entrou na economia. A equipe econômica liberou saques de contas inativas [&hellip......

23.10.2017

Medidas para estimular o consumo II

O consumidor também vai sentir no próximo ano os efeitos plenos da queda da taxa básica de juros (Selic), que hoje está em 8,25% e poderá atingir o menor patamar da história – 6,5% ao ano em 2018. Com isso, as famílias poderão renegociar dívidas, trocando juros mais elevados por taxas mais baixas. Na avaliação [&hellip......

Via Facebook

Veja Todas as Imagens »

Frases

O ridículo não existe; os que ousaram desafiá-lo de frente conquistaram o mundo

Octave Mirbeau

O ridículo não existe; os que ousaram desafiá-lo de frente conquistaram o mundo

Octave Mirbeau

Todos os grandes homens são modestos

Gotthold Lessing

Cuidado para não chamar de inteligentes apenas aqueles que pensam como você

Ugo Ojetti

É errado quando acreditas em cada um, mas também é errado quando não acreditas em ninguém

Sêneca

Via Twitter

Newsletter

Cadastre-se e receba no seu email, semanalmente, o Boletim Informativo escrito por Germano Rigotto.